MICROAREIAS 2018
(MICROAREIAS_2018)

Data: 27 de setembro de 2018
Duração: 6 horas
Local: nas instalações do Instituto Ricardo Jorge, em Lisboa
Inscrição: 80€ para não participantes no PNAEQ (Areias); gratuito para participantes no PNAEQ (Areias).
Data limite de inscrição:  21 de setembro de 2018
Código: 2018DSA1220
Coordenação: João Brandão
Nº mínimo e máximo de formandos: 5 e 20 participantes

Sumário

A qualidade ambiental das praias tem vindo a adquirir uma importância crescente entre os critérios de escolha de destino turístico. Nos últimos anos, a legislação evoluiu no sentido do ordenamento da zona costeira e do tratamento de águas residuais. Contudo, o único indicador da qualidade relacionado com a saúde pública que pode permitir aos utentes uma escolha orientada, é a qualidade da água balnear. O estudo da qualidade microbiológica da areia está previsto na atual Diretiva 2006/7/EC que defende toda uma estrutura de proteção de qualidade da água balnear e zona envolvente bem como a saúde dos seus utilizadores. Também a Organização Mundial de Saúde (2003) exprimiu a preocupação com a qualidade das areias da praia por poderem constituir um reservatório de agentes de infeção, sobretudo em zonas balneares onde a utilização da areia apresenta maior relevância. A atualização das guidelines da OMS está prevista até 2020, incorporando já referenciais teóricos relevantes sobre gestão e avaliação de risco microbiano em areias de praias. A reunião deste ano irá permitir atualizar conhecimentos técnicos e promover discussões entre profissionais experientes.

Consulte o programa  (brevemente disponível) |  Pré-inscrição